A vida é um Aforismo

15.00 

Aurora Simões de Matos nasceu entre serras e águas de abundante pureza, o olhar estendido por largos horizontes, onde a rudeza da autenticidade sempre deixa marcas na expressão viva das pessoas e das coisas que nela crescem e amadurecem. Vivências de peculiares formas de estar e de sentir que certamente a ajudaram a transformar-se numa representante indeclinável da cultura montemurense, e insuspeita, respeitada e acarinhada referência cultural do Médio Paiva.

Em stock

Lançamento Set / 2018
Páginas 118
ISBN 978-989-8911-24-7 Categorias , Coleções ,

Aurora Simões de Matos nasceu entre serras e águas de abundante pureza, o olhar estendido por largos horizontes, onde a rudeza da autenticidade sempre deixa marcas na expressão viva das pessoas e das coisas que nela crescem e amadurecem. Vivências de peculiares formas de estar e de sentir que certamente a ajudaram a transformar-se numa representante indeclinável da cultura montemurense, e insuspeita, respeitada e acarinhada referência cultural do Médio Paiva.

Toda a sua obra é deveras sentida, sincera e transparente. Nos seus livros, sempre se expõe sem filtros, o que revela a total naturalidade com que se encara no mundo e na dedicação à escrita. Em total entrega à inspiração literária, onde a sua vida íntima de sonhadora se plasma no retrato da vida concreta, expressa em apurada sensibilidade e indiscutível espírito de crítica observação.

“A vida é um Aforismo” é uma dádiva, ato de coragem de uma mulher resistente nos caminhos do tempo, do pensamento e da escrita. Abordar a vida e a reflexão da mesma, em linhas aforísticas, é mostrar-se verdade nua e crua perante quem a lê, dessoterrar as palavras que somos.

De forma honesta, a autora desnudou a sensibilidade partilhada com o leitor, o que nos distancia dos dias cansados e obtusos.

Este livro de aforismos é uma síntese de vida, marco vivencial, uma necessidade de dizer a existência de forma precisa, mas densa, por entre recortes literários e filosóficos. Frases singelas que desenham a escrita na forma de imperativos ou suaves sentenças, que fotografam um acumular de reflexões concentradas. As frases e palavras que recortam a obra são pingos de chuva na amálgama aquática do psiquismo da autora. Sinais ténues mas lúcidos de vida, que irrompem da firmeza de uma sólida maturidade interior.

Mónica Ferreira Lima, in Prefácio

Peso 290 g
Dimensões (C x L x A) 16 × 0.7 × 24 cm
Editora

Edições Esgotadas

Ainda não temos opiniões acerca deste produto.

Apenas clientes autenticados e que tenham comprado este produto podem deixar uma avaliação ao produto.